Para emagrecer com saúde é necessário que seu corpo gaste mais calorias que consuma. É por isso que há duas medidas mais importantes para chegar ao peso ideal: Ajustar hábitos alimentares e Praticar atividades físicas. Porém, isso deve ser feito gradativamente e com um cardápio saudável e variado… Veja abaixo 12 dicas para perder peso rápido e com saúde

Siga as dicas para emagrecer de forma saudável:

Como emagrecer rápido e com saúde

Consuma apenas alimentos que queimam a gordura, desincham.. – Alimentos que aumentam a saciedade e acelerem o metabolismo – Faça apenas as refeições principais – Invista em um prato equilibrado e variado – Reduza o consumo de gordura saturada – Fique de olho na caloria dos alimentos – Beba uma média de dois litros de água por dia – Descubra o seu peso ideal – Reduza o consumo diário de calorias

emagrecimento rapido - Emagrecer: 12 dicas para perder peso rápido e com saúde

Alimentos que desincham

Alguns alimentos ricos em ômega 3 (atum, sardinha, salmão, arenque, linhaça, cavala e castanhas) contribuem no emagrecimento devido à ação anti-inflamatória.

Consuma alimentos que queimam a gordura

Alguns dos alimentos que ajudam a emagrecer que estimulam a queima de gordura. Farinha de amora, Chá de hibisco e lichia estão entre eles.

Alimentos que aumentem a saciedade

Os Alimentos ricos em fibras proporcionam maior saciedade, Assim, a fome demora mais a aparecer, o que ajuda você perder peso.
As principais fontes de fibras são: cereais integrais, como arroz, trigo, centeio, cevada, aveia, e frutas. As leguminosas, como lentilha, feijões, grão de bico e ervilha e as verduras e legumes também contam com boas quantidades de fibras. As sementes, como a chia, linhaça e semente de abóbora, também tem fibras. Saiba tudo sobre as fibras.

Evite dietas da moda

Em busca de algumas soluções imediatistas, quase que milagrosas para a conquista “do corpo perfeito” (perder peso), algumas pessoas optam por fazer as famosas “dietas da moda”. No entanto, esses regimes não respeitam a individualidade nutricional e, também, prometem resultados rápidos com restrições alimentares que podem ser perigosas para a saúde.

Alimentos que aceleram metabolismo

Os alimentos com ação termogênica estimulam a maior queima de calorias. Os principais alimentos termogênicos são: pimenta, chá verde, canela, gengibre e café.

Faça apenas as refeições principais

O ideal quando se quer perder peso é fazer as três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) e dois ou três pequenos lanches. Isso manterá seu metabolismo funcionando o dia inteiro, dará mais saciedade, diminuindo a fome fora de hora, e impedirá que você exagere nas grandes refeições. O intervalo entre cada refeição deve ser de no mínimo 2 horas.

Evite fazer dietas restritivas

Dietas que cortam drasticamente as calorias ou algum componente específico, como os carboidratos por exemplo, são consideradas restritivas. Para perder com saúde o esperado é perder entre meio quilo e um quilo por semana. Mais do isso pode ser sinal de que você não está realizando a dieta mais adequada. A alimentação monótona e com pouca variedade de alimentos não traz todos os nutrientes que o corpo precisa, podendo até afetar a imunidade e o corpo mais vulnerável a doenças.

Invista em um prato equilibrado e variado

Uma alimentação saudável pede equilíbrio de nutrientes e variedade de alimentos. Vale investir em frutas, legumes, verduras. Não se esqueça de completar o menu com diferentes tipos de carnes, cereais, leguminosas (feijão, lentilha), leites e derivados, grupos alimentares essenciais para a alimentação diária.

Descubra qual é o seu peso ideal

O Índice de Massa Corporal (IMC) é uma maneira de avaliar se o peso da pessoa está dentro do considerado saudável ou não. É calculado por meio do peso em quilogramas dividido pela altura ao quadrado (Kg/m²). Apesar de não mostrar a proporção de gorduras e músculos do corpo humano, o IMC ajuda a ter uma noção sobre se o peso do indivíduo está dentro do considerado saudável ou não. Calcule aqui seu IMC e descubra seu peso ideal.

Beba água!

A água é a bebida mais consumida em todo o mundo. Barata e livre de calorias, ela é essencial para a manutenção da beleza e para o bom funcionamento do organismo. Muita gente, no entanto, não sabe qual deve ser a quantidade correta de água a ser ingerida diariamente. Afinal, este cálculo deve ser personalizado para que não aconteça um excesso, que poderia ser prejudicial à saúde.

Isabel Jeressati, nutricionista funcional e docente da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), explicou que os alimentos também são boas fontes de água e devem ser levadas em conta. “Quem come muitas verduras e frutas, por exemplo, pode necessitar da ingestão de menos água, enquanto aqueles que ingerem muito sal vão precisar de uma maior quantidade do líquido”, declarou, lembrando que cerca de 65% do nosso organismo é constituído de água.

A função deste líquido em nosso organismo é bem ampla. Segundo Luciana Carneiro, nutróloga e membro da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) e da Associação para Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso), da capital fluminense, a água ajuda na filtração renal, na eliminação das toxinas da alimentação, além de hidratar pele, cabelo e intestino, melhorando seu funcionamento.

Reduza o consumo de gordura saturada

Não vamos negar: quem exagera na gordura saturada tem grandes chances de ver o colesterol subir, especialmente o LDL, tachado de ruim porque se deposita nas artérias. Esse é o primeiro passo para um infarto ou AVC. Daí a preocupação da Organização Mundial da Saúde (OMS), que elaborou um documento que prevê novos limites para o consumo de gordura saturada – e de outras versões do nutriente.

O ideal é que a ingestão desse subtipo gorduroso não supere 10% das calorias ingeridas no dia. Para quem tem algum fator de risco cardíaco, o valor cai para 7%.

Mas é importante ressaltar que, apesar da má fama, a gordura saturada tem suas funções. Ela aumenta um pouquinho a fração do colesterol HDL, que passa pelos vasos realizando uma limpeza na área. Além disso, participa da produção de hormônios e do transporte de vitaminas lipossolúveis, como A, D, E e K.

Então, o recado é maneirar – e não excluir! “Acho correto insistir na redução do consumo, porque a gordura saturada surge com frequência em nossa rotina”, avalia o químico Renato Grimaldi, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Fique de olho nas calorias dos alimentos

Pode ser que essa informação nos diga mais do que imaginamos. É claro que, se levarmos em conta nosso país, existe uma certa pressão social e midiática pelo corpo perfeito. É fato que ela leva muitas jovens ao desenvolvimento de distúrbios alimentares ou até mesmo ao suicídio.

Nesse caso, também, trata-se de um problema de autoestima. Entretanto, há casos nos quais a insatisfação com o peso tem razão de ser. Nesses casos, buscar o corpo ideal deveria ser motivado muito mais pela saúde que pela estética.

E a alimentação tem grande influência nesse fator. É claro que uma rotina de exercícios é importante, mas se não mantivermos uma boa alimentação, todos os esforços podem ir por água abaixo.

Por falar em alimentação, você já reparou na quantidade de dietas que surgem a cada momento: é dieta da USP, dieta da lua, dieta japonesa e, a mais nova sensação do momento, dieta low carb. Essa última consiste em restringir drasticamente o consumo de carboidratos.

Algumas dietas que encontramos na internet são muito restritivas e nem sempre podem ser indicadas a todas as pessoas.
Muitos simplesmente as imprimem, e seguem, sem consultar um médico ou profissional especializado, colocando sua própria saúde em risco.

E uma reeducação alimentar, aliada a um programa de treinamento em academia ou com personal trainer pode ser muito mais benéfico que uma dieta radical.

F.A.Q – COMO PERDER PESO RÁPIDO E COM SAÚDE

Como emagrecer rápido e com saúde?

1. Consuma apenas alimentos que queimam a gordura e desincham..

2. Consuma Alimentos que aumentam a saciedade e acelerem o metabolismo

3. Faça apenas as refeições principais, invista em pratos equilibrados e variados

4. Reduza o consumo de gordura saturada

5. Beba uma média de dois litros de água por dia

6. Descubra o seu peso ideal

7. Reduza o consumo diário de calorias

Quais são os alimentos que aumentam a saciedade?

Os Alimentos ricos em fibras proporcionam maior saciedade, Assim, a fome demora mais a aparecer, o que ajuda você perder peso.

As principais fontes de fibras são: cereais integrais, como arroz, trigo, centeio, cevada, aveia, e frutas. As leguminosas, como lentilha, feijões, grão de bico e ervilha e as verduras e legumes também contam com boas quantidades de fibras.

As sementes, como a chia, linhaça e semente de abóbora, também tem fibras. Saiba tudo sobre as fibras.

Quais são os alimentos que aceleram o metabolismo?

Os alimentos com ação termogênica estimulam a maior queima de calorias.

Os principais alimentos termogênicos são: pimenta, chá verde, canela, gengibre e café.

Quais alimentos desincham?

Alguns alimentos ricos em ômega 3 (atum, sardinha, salmão, arenque, linhaça, cavala e castanhas) contribuem no emagrecimento devido à ação anti-inflamatória.

Quais alimentos queimam gordura?

Alguns dos alimentos que ajudam a emagrecer que estimulam a queima de gordura: Farinha de amora, Chá de hibisco e lichia estão entre eles.

About the Author

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *